Notícias

UFPI concede título de Professor Honoris Causa ao Professor Cineas Santos


 

Cineas Santos

 

A Universidade Federal do Piauí (UFPI), por aprovação do Conselho Universitário (CONSUN), e segundo a Resolução Nº 035/18, entrega o título de Professor “Honoris Causa” ao ilustre Professor Cineas das Chagas Santos, em solenidade no Cine Teatro da Universidade, às 16h, do dia 20 de setembro.

A indicação do Prof. Cineas Santos ao título foi da Vice-Reitora da UFPI, Profa. Dra. Nadir do Nascimento Nogueira, e aprovada pelo CONSUN em reunião realizada no dia 14 de agosto de 2018. A concessão do título se deu como prova inconteste do reconhecimento da Universidade Federal do Piauí à inquestionável e expressiva atuação do homenageado, no campo literário, cultural e social do Piauí e do Brasil, o que só engrandecerá ainda mais a nossa Universidade.

A UFPI concede o título Professor Honoris Causa a professores ou cientistas ilustres, estranhos ao quadro da Instituição, que lhe tenham prestado relevantes serviços.

 

Biografia

Cineas das Chagas Santos nasceu em Campo Formoso, município de Caracol, sertão do Piauí, em 20 de setembro de 1948, filho de Liberato Francisco dos Santos e Porcina Maria das Chagas Santos. Poeta, cronista, intelectual, professor, agente cultural, advogado, editor e livreiro brasileiro. Cineas Santos integra o Conselho Estadual de Cultura. É casado com a dentista Áurea Dulce Caland Santos e tem um filho, Hermano Nino Caland Santos.

Vive em Teresina, capital do Piauí, desde 1965, onde desenvolveu trabalho de agente cultural, atuando em diversas áreas, exercendo atividades no cenário artístico-cultural local. Entre os anos de 1976 e 1977, fundou, junto com o poeta Paulo Machado e outros companheiros de geração, o jornal alternativo “Chapada do Corisco”. Como proprietário da Corisco (livraria e editora), publicou vários autores piauienses.

Professor de Português e Literatura de várias gerações de estudantes piauienses, foi um dos idealizadores e organizador do SaLiPi (Salão do Livro do Piauí), evento que anualmente reúne livreiros, editoras e público leitor em torno a diversas atividades culturais, palestras, debates, oficinas e exposições. Também é proprietário da Oficina da Palavra, espaço cultural teresinense, e coordenador do grupo A Cara Alegre Do Piauí, projeto de interiorização da cultura – música, literatura e artes plásticas.

Cineas Santos é também o autor da letra do Hino do município de Teresina, em parceria com o músico Erisvaldo Borges, que compôs a melodia.

Foi presidente da Fundação Municipal de Cultura de Teresina (Fundação Cultural Monsenhor Chaves – FMMC) e apresenta (desde 10 de maio de 2009) o programa televisivo intitulado “Feito Em Casa“, sobre literatura, arte e cultura centradas na realidade local piauiense, na TV Cidade Verde.

Obras

Miudezas Em Geral (poesia)

Tinha Que Acontecer (contos)

ABC Da Ecologia (cordel)

Aldeia Grande (humor)

O Menino Que Descobriu As Palavras (infantil)

Nada Além (poesia)

Trem da Vida (infantil)

A metade extraviada (infanto-juvenil)

Cacos de mim (crônicas)

Cambalhotas pra ninguém (crônicas)

O Aldeião Lírico (crônicas)


Previous ArticleNext Article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

oito + 14 =