Notícias

Grupo Carvalho apoia publicação de Guia Gastronômico de Teresina


A vice-presidente do Grupo Carvalho, Van Fernandes com o jornalista Rivanildo Feitosa e gerentes da rede de supermercado

 

O Grupo Carvalho apoiou o lançamento do livro “Rota Gastronômica, os novos sabores de Teresina”, através da lei de incentivo federal/Rouanet. A publicação é de autoria do jornalista Rivanildo Feitosa e oferece informações dos melhores e/ou mais tradicionais endereços da culinária da capital, além de personagens, que retratam um pouco da gastronomia piauiense.

Ao todo são 50 roteiros em Teresina para os apreciadores da boa culinária. A obra, que conta com prefácio do chef francês Laurent Suaudeau, teve a venda da noite do lançamento revertida para a Associação de Cegos do Piauí (ACEPI), entidade beneficiada.

O guia estará disponível, em breve, na rede de supermercados do Grupo Carvalho e também será distribuído em bibliotecas públicas de Teresina.

 

Van Fernandes durante lanamento do guia “Rota Gastronômica”

 

Para a vice-presidente do Grupo Carvalho, Van Fernandes é um orgulho participar deste projeto, que servirá de divulgação da gastronomia piauiense. “Este Guia vai servir de relíquia para o Piauí, como também, para divulgar as potencialidades do nosso Estado, que é referência no polo gastronômico. Essa é uma oportunidade também para conhecermos, degustar a culinária e propagar os empreendimentos, que atuam muito mais do que um local de descontração”, avalia a empresária.

O jornalista Rivanildo Feitosa ressalta a importância do Grupo Carvalho como fundamental na produção do guia, através da Lei de Incentivo. “Visitamos o Grupo Carvalho, através da empresária Van Fernandes, que abraçou e apoiou o projeto. Dedicamos dois anos de trabalho intenso com equipes de fotógrafos para chegar neste resultado, que também tem um cunho social”, revela Rivanildo.

Segundo o jornalista, o objetivo da publicação foi divulgar as marcas da gastronomia piauiense e contar as suas histórias, colocando todos no mesmo nível de igualdade, tanto os restaurantes mais simples, típicos, mas com tradição junto com restaurantes mais sofisticados. “No final, foi um casamento perfeito, pois acabamos transformando a nossa gastronomia em algo que pode ser visto e consumido por qualquer apreciador”, pontua Rivanildo.


Previous ArticleNext Article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × quatro =