Coluna

Wellington Dias é empossado para o seu quarto mandato


O governador reeleito Wellington Dias e a vice-governadora eleita Regina Sousa tomaram posse na tarde desta terça-feira (1º) na Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi). O momento foi prestigiado por gestores, deputados, além de amigos e familiares dos empossados. A cerimônia foi conduzida pelo presidente da Alepi, deputado estadual Themistocles Filho.

A sessão foi aberta com o juramento do governador Wellington Dias e da vice Regina Sousa. Ambos assumiram o compromisso de cumprir as leis do país. Logo em seguida, a deputada estadual Flora Isabel, como 1ª secretária da Mesa Diretora, fez a leitura do termo de posse.

Posse governador Wellington Dias na Assembleia Legislativa (Fotos: Raoni Barbosa)

 

 

Após a sessão solene na Assembleia Legislativa do Piauí, na tarde desta terça-feira (1°), o governador reeleito e agora empossado, Wellington Dias, deu continuidade aos ritos de posse no Palácio de Karnak.

Na oportunidade, o chefe do executivo foi recepcionado pelo coronel Lindomar Castilho, comandante geral da Polícia Militar do Piauí, e pelo coronel Carlos Frederico Mendes, comandante do Corpo de Bombeiros. Em seguida, a capitã Liliana pediu autorização para dar prosseguimento a solenidade, para Dias vistoriar a tropa composta por policiais militares e bombeiros.

Posteriormente,o governador foi conduzido por sua esposa Rejane Dias, deputada federal, e por Regina Sousa, vice-governadora empossada, para a composição da mesa de honra.

 

Crianças participaram da solenidade trazendo balões com palavras que simbolizam o novo governo. Entregaram ainda a faixa governamental para o Wellington Dias e flores para a vice-governadora, Regina Sousa.

Durente a solenidade foram assinados os termos de: recondução de cargo do governador Wellington Dias; posse da vice-governadora, Regina Sousa; e posse do secretário de Governo Interino, Merlong Solano.

Discursos

A vice-governadora da última gestão e deputada federal eleita, Margarete Coelho, fez discurso ressaltando o sentimento de gratidão por ter desempenhado a função. “Meu sentimento é de gratidão por ter sido a primeira mulher vice-governadora do Piauí em 200 anos de história. Eu sempre disse que esse é um espaço que eu me alegraria a entregar para outra mulher e fico muito feliz por ser a Regina Sousa, uma mulher de luta, uma mulher guerreira”, disse.

A vice-governadora eleita e empossada inicou sua fala falando de sua trajetória profissional e política. “Estou com muita vontade de trabalhar e contribuir para o Piauí. Quero chegar em 2022 dizendo que o Piauí é livre do trabalho escravo, misoginia, homofobia, da fome, este um dos meus compromissos pessoais. Um Piauí onde as pessoas tenham água de beber, um Piauí onde as pessoas tenham a sua existência assegurada. Gostei governador, quando disse que este é o mandato da sua vida e o senhor escolheu ‘Coragem’ como uma das palavras-chaves. Será preciso coragem para dizer não e talvez desagradar alguns”, disse.

Dias iniciou sua fala ressaltando a importância desse momento solene que é um coroar da nossa trajetória. E agradeceu a sua família, a deputada federal, Margarete Coelho, e a vice-governadora, Regina Sousa, bem como aos parlamentares presentes.

 

“Podemos somar esforços com o Governo Federal, com a bancada federal para, por exemplo, vermos onde falta água e podermos juntos solucionar isso, por que água é saúde. Do mesmo modo com a energia elétrica. Aqui, em 2018, completamos todos os municípios com educação técnica. Quando vou a minha cidade Paes Landim, encontro amigos que precisaram sair pra estudar e agora isso não precisa mais acontecer, pois estamos levando educação superior a todos os municípios piauienses. Não é razoável darmos passos para trás”, disse o governador.

O chefe do executivo enfatizou ainda o compromisso com o piauiense focando em geração de emprego e renda, qualificação profissional, educação. “O nosso compromisso é alcançarmos o auto desenvolvimento e usamos como referência a ONU. Já avançamos na expectativa de vida. A educação tem sido um dos nossos avanços, por que já concluímos que a pobreza do Piauí era oriunda da falta da educação e não da natureza. Temos que cuidar da nossa população que envelhece, mas também não queremos perder ninguém da nova geração”, declarou.

 

Dias também reafirmou o seu comprometimento com a segurança do piauiense. “Não é razoável que pequenos empreendedores tenham seus locais de trabalho gradeados e fiquem a mercê de bandidos. Não é razoável que jovens tenham sua vida ceifada por causa de um celular. Vamos continuar trabalhando para reduzir a criminalidade”, garantiu.

O governador pontuou ainda que não nega a política. E nem acredita na política pela política, mas crê numa política que trabalha para melhorar a vida da população. “Peço a Deus a possibilidade de chegar em 2022 de cabeça erguida”, finalizou.

 

Fonte: CCOM/PI


Previous ArticleNext Article