Tok&Stok lança coleção assinada pela artista Calu Fontes

Inspirada no oceano e sua diversidade, Calu Fontes, parceira da Tok&Stok desde 2008, assina uma nova coleção de produtos com a marca. Segundo a designer, o mar é símbolo de movimento, dinâmica de vida e mostra na diversidade de seu universo desde formas mais elementares até as mais complexas.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Com base nisso, a artista desenvolveu objetos de decoração brincando com o grafismo, já característico de seu trabalho, e a pluralidade de cores e espécies que compõem o fundo do oceano.  Dentre os itens, estão louças que podem colorir tanto mesas como paredes, objetos para o banheiro e artigos para cozinha.

 

As ilustrações são inspiradas no mar da Bahia, onde a artista traz suas melhores lembranças de infância. Foi onde teve seu primeiro contato com os elementos marinhos que hoje fazem parte do seu trabalho e nadam sobre as camadas de tintas, esmaltes das peças de seu ateliê e agora da coleção feita exclusivamente para Tok&Stok.

 

 

Os elementos marinhos como peixes, algas, corais, estrelas do mar trazem delicadeza e serenidade para as peças criando cenários cheios personalidade como as xícaras para um café da manhã especial ou os pratos, que além de servirem as refeições, decoram a parede da casa dando um toque personalizado para o ambiente. Além disso, os elementos atraem o olhar e permitem a versatilidade de serem combinados com outras cores e estampas.

 

O banheiro ganha kit para bancada e cortina para o box, na cozinha estão disponíveis jogos americanos, luva de forno, avental, guardanapo, copo, capachos entre outras opções de produtos que trazem um toque de leveza e criatividade no ambiente.

 

SOLLOS e Jader Almeida apresentam nova coleção no Showhouse 2018

O designer Jader Almeida traz 37 novos produtos. Entre os lançamentos, cadeiras, mesas de jantar, centro e apoio, buffet, sofás e poltronas

 

Entre os dias 15 de março e 8 de abril, o designer Jader Almeida a SOLLOS apresentam a tradicional mostra Showhouse SOLLOS – coleção Jader Almeida 2018, com suas peças autorais, distribuídas em 23 ambientes, pensados para interpretar as mais variadas cenas do cotidiano. O local escolhido é antigo prédio com uma ampla área de mais de 3 mil m², na Avenida das Nações Unidas, 345, em São Paulo. Todo o projeto de arquitetura e curadoria são assinados por jaderalmeida design&Architecture com características de perspectiva de ambientes minimalistas, amplos e interligados, promovendo calma, elegância e fluidez, características recorrentes do escritório.

 

 

“Para 2018, não pensamos na individualidade dos produtos ou de soluções − já que cada produto carrega valores duráveis, individualidade e atributos de atemporalidade”, explica Jader Almeida. Ainda de acordo com o designer catarinense, o exercício de lançamento de produtos é sempre uma tarefa que requer uma análise ponderada entre conceito e mercado, pois uma das filosofias é gerar cultura e rentabilidade, tendo em vista a sentença de que bom design e bons negócios são sinônimos para uma indústria gerar valores para economia e sociedade.

 

 

 

Há 14 anos, Jader Almeida tem conquistado uma carreira brilhante e impactante para o design autoral brasileiro e, atualmente, é reconhecido como um dos designers brasileiros mais respeitados no mundo. A parceria com a indústria SOLLOS, no qual comanda a direção criativa, tem rendido frutos que reverberam em sua carreira, como os mais de 50 prêmios nos últimos dez anos, além da participação nos mais importantes eventos de arquitetura e design mundial.

 

Nesta edição da mostra, a SOLLOS – marca que produz peças de design de alta qualidade e se consolida cada vez mais no mercado pela sua inovação – nos oferece uma perspectiva de sua capacidade de resposta como indústria, pesquisa e seus métodos de conectar as alavancas econômicas e produtivas com todos os agentes que compõem a cadeia de valores, além do resultado da inovação incremental na forma de projetar, produzir e distribuir seus produtos. A cada dia, momento, produto ou apresentação, a SOLLOS reafirma seu caráter de solidez, que mantém de forma contundente o alto rigor estético e qualidade superior. A direção criativa de Jader Almeida mostra uma energia criativa, apuro estético e atenção nos detalhes, afirmando vida longa ao conjunto e edificando uma marca que gera valores tangíveis nos âmbitos econômicos, sociais e culturais sempre alinhado a sustentabilidade de seu próprio ecossistema.

 

 

Coleção 2018

Donos de um vasto portfólio de produtos bem-sucedidos, com sucesso de venda e de crítica, a SOLLOS e o designer Jader Almeida, a cada ano, lançam um olhar para o próprio portfólio para avaliar sua coleção. O conceito de coleção orientada por demanda foi lançado de modo a classificar o design dos produtos: Ícones – Projeto – Luz.

 

A tradicional mostra, idealizada pelo premiado designer Jader Almeida

Ícones: são todos aqueles produtos cujos valores de design encontram uma assinatura e identidade forte, são autoafirmativos em sua materialização, ricos em detalhes e individualidade com atributos de se tornarem futuros clássicos do design.
Projeto: são produtos que cumprem sua função de maneira plena, se adaptam às mais diversas demandas, são como uma espécie de peças customizáveis nas quais cada interpretação gera um resultado original para ocupar espaços distintos.

Luz: como o nome sugere, está na categoria de iluminação. São luminárias de piso, mesa e pendentes pensados para cumprir uma função poética e criar atmosferas aconchegantes de luz.
Nessa coleção, mais de 30 produtos serão apresentados pela primeira vez, entre modelos inéditos de cadeiras, mesas de jantar, centro e apoio, buffet, sofás e poltronas. O segmento de iluminação, que teve início em 2010, ganha integrantes a cada ano e nesta edição são mais de dez modelos de luminárias de piso, parede e pendentes.

 

 

Além dos produtos inéditos, uma gama de acabamentos, superfícies e texturas fazem parte da apresentação, além de materiais como aço, obtém efeitos de colorações ao serem flamejados e recebem o nome de flame steel. Tal item, por exemplo, pode revestir planos de mesas e consoles. Diferentes tipos de mármores, como travertino titanium, contrastam com o efeito gradiente obtido por meio de técnicas de colorações. Tecidos diversos e couro criam uma harmonia com os novos tons de madeira, como os tingimentos canyon e carbono.

Outros materiais, como madeira, pedras, metais e seus efeitos variados, contrastam com traços, equilíbrio geométrico e uma percepção espacial arquitetônica vista somente por meio do olhar apurado de Jader Almeida. O profissional acentua a predileção pelo conjunto da obra, e usa uma metáfora que define muito bem seu pensamento: “Prefiro uma sinfonia a uma sonata.”

Tok&Stok lança Coleção Shibori, inspirada em técnicas tradicionais japonesas

 

Produtos de decoração trazem estampas que recriam o tingimento artesanal de tecidos

 

A Tok&Stok lança a Coleção Shibori, com produtos estampados em azul e branco que recriam uma tradicional técnica de tingimento. O shibori surgiu no Japão no século XVIII e consiste em costurar, dobrar, amarrar ou prender o tecido para então mergulhá-lo em tintura, criando diferentes padrões que lembram círculos, listras e até mandalas.

 

 

A grande assinatura desse estilo é a cor índigo, que ganha destaque em itens como: cúpulas de abajur, louças, quadros, almofadas, guardanapos e lugar americano. Cada produto traz um padrão distinto, inspirado pelas sete técnicas principais do shibori: Kanoko, Miura, Kumo, Nui, Arashi, Suji e Itajime. Na coleção da Tok&Stok, elas são aplicadas com a tecnologia contemporânea, utilizando a impressão digital.

 

 

 

Os produtos da Coleção Shibori estarão disponíveis em todas as lojas Tok&Stok do Brasil e também no e-commerce (www.tokstok.com.br).

 

Trapos e Fiados do Piauí é destaque na decoração do BBB18

Com um painel exibindo copas de árvores e um céu azul, a casa parece um resort, enquanto a piscina simula a areia da praia

 

A Trapos e Fiapos, empresa que confecciona tapetes artesanais no Piauí, lançou uma coleção que está ambientando o BBB18 com sua linha de tapeçaria. São tapetes e peças que decoram a sala, quarto, cozinha e varanda com jardim e deck na casa mais vigiada do país.

“A gente não tirou o olho do #bbb18. Adivinha por quê? Nossos tapetes estão ambientando toda a casa. Eita que estamos felizes demais”, texto de postagem das redes sociais da empresa piauiense na noite de estreia do programa.

Ao todo foram encomendas 12 peças que seriam avaliadas e poderiam estar na casa do BBB, mas na estreia todas as peças estavam bem dispostas. ”A sensação é de reconhecimento, aqui no Piauí somos pouco vistos, mas no Sul as pessoas dizem que os tapetes são exóticos. São todos modelos novos, criamos para eles. O BBB é uma casa que transmite alegria, caliente”, fala a Tereza Melo que revela ainda que já há encomendas para produzir tapetes que vão decorar ambientes da próxima novela da Globo.

De acordo com a proprietária da empresa, Tereza do Carmo Melo, em entrevista ao portal 180graus, ela já atua no segmento há 35 anos e os tapetes são produzidos na zona rural de Teresina, no povoado Santa Rita, e comercializados pela sua loja.

Segundo a empresária, os tapetes que decoram o ambiente desta edição do programa foram encomendados ainda no ano passado, para que pudessem ser avaliados e aprovados pela equipe responsável pela decoração, antes do programa ir ao ar.

 

“As peças são produzidas em tear manual, por um grupo de moradores da região. Esse trabalho melhora a renda deles e a qualidade de vida. Resgatamos o tear, são peças únicas”, complementa a empresária e mentora do negócio.

 

Nesta edição, os brothers vivem literalmente dias de férias em uma casa que foi totalmente reformulada, com cenografia e decoração inspiradas em uma casa de veraneio, com elementos cenográficos que remetem ao clima praiano. “Usamos referências tropicais e, além das cores quentes, utilizamos muito as paletas verdes e azuis, que dão esse ar de praia. Abusamos também dos elementos náuticos: âncoras, timões, peças de navio. Entre os materiais, a casa possui muita madeira e bambu, além da alvenaria. Para os telhados, escolhemos a piaçava”, contou Camila Costa, cenógrafa responsável.

A casa do ‘BBB 18’ conta com dois quartos para os participantes e ainda o quarto do líder. Destaque para o Quarto Tropical que é super-mega-poluído de estampas e, ainda assim, harmônico. Com uma mistura de verde com laranja — que não é pra todos os corações, e ainda assim é fofo. Com decoração que segue a temática praiana, o ambiente tem muitos flamingos, folhagens e cestaria natural.

O espaço conta com um Tapete de sisal no quarto, que é resistente, não junta tanta poeira quanto os de pêlo, e ainda dá um ar despojado e elegante. Assinado pela Trapos e Fiapos.

 

 

Outro destaque é o uso de cestos de material natural no quarto. Podem ser para sapatos, livros ou mesmo para plantas (que podem ser postas no quarto desde que sejam as certas, como babosa e espada-de- são-jorge).

 

A empresa piauiense Trapos e Fiapos ganhou visibilidade nacional quando começou a participar de feiras em São Paulo, como a High Design. Através dessa visibilidade, a empresa já produziu peças que decoraram o programa Mais Você, apresentando por Ana Maria Braga. Vale destacar que a marca piauiense esteve no início deste ano na Feira ABIMAD que aconteceu em São Paulo.

A decoração litorânea se estendeu para o quarto do líder, que passa a se chamar Bangalô do Líder

 

 

Prepare a casa para Páscoa com Coleção Cactoelhos da Tok&Stok

 

 

Para preparar a casa para a data, a Tok&Stok, maior rede de lojas de móveis e acessórios do país, lança a Coleção Cactoelhos, que mistura a tendência dos cactos na decoração com os coelhos, um dos principais símbolos da comemoração. A linha traz o universo lúdico, repleto de diversidade e misturas harmônicas, ideal para decorar e preencher os mais diversos ambientes da casa.

 

Linha de produtos é inspirada no sertão brasileiro com tons verdes e terrosos, apresentando os tradicionais e fofos coelhos camuflados e misturados aos cactos

 

 

Para entrar no clima, alguns acessórios trazem vida nova à casa e ao jardim. Os adornos em formato de cenoura, mandacaru, cordões decorativos preenchem com charme mesas e prateleiras, os adornos ‘espetos’, podem ser usados na mesa ou no jardim para ajudar na busca aos ovos junto às crianças.

 

 

Para compor a mesa, louças especiais como travessa de vidro, canecas, copos, pratos de sobremesas, guardanapos, moringa e potes de vidro com colheres para expor as guloseimas e os esperados chocolates. Os porta-recadinhos ajudam a identificar os pratos ou lugares dos convidados e as velas em forma de ovos completam a decoração.

 

 

Na cozinha, um dos ambientes mais movimentados para quem recebe em casa, o preparo das delícias pascais fica mais charmoso com o uso de panos de prato no tema.

 

 

Os produtos da campanha Cactoelhos estarão disponíveis a partir do dia 15/03 em todas as lojas Tok&Stok do Brasil e também no e-commerce (www.tokstok.com.br).

 

 

 

 

 

Sobre a Tok&Stok

 

A Tok&Stok inaugurou sua primeira loja no Brasil em 1978 na Avenida São Gabriel em São Paulo. Hoje tem 54 lojas no Brasil, distribuídas em 18 estados e no Distrito Federal. Referência em móveis e decoração, a Tok&Stok é reconhecida pela qualidade de móveis e acessórios exclusivos além do oferecimento de soluções práticas para o dia-a-dia. Design arrojado a preços acessíveis são parte do conceito da marca. Agilidade e criatividade são inerentes à filosofia da empresa, o que pode ser comprovado pelo ritmo de lançamento de produtos: mais de oito produtos novos são colocados por dia nas prateleiras, contabilizando uma coleção de mais de 10 mil itens inspirados nas últimas tendências internacionais em decoração.

Poltrona Mole do design Sergio Rodrigues completa 60 anos e ganha homenagem

 

A loja Lilia Casa, que é referência no melhor do design e decoração no Estado, promoveu este mês um happy hour para lançamento da nova vitrine e em comemoração aos 60 anos da poltrona Mole do design Sergio Rodrigues. As arquitetas Anelise Carvalho e Alexandra Martins foram as responsáveis pela ambientação da vitrine brasileiríssima.

 

Poltrona Mole na Loja Lilia Casa

 

Sergio é, sem dúvida alguma, uma das mais admiráveis expressões do design em nosso país. O traço coerente e único inscreveu seu nome na história do design do século 20, sobretudo pela criação de uma grande variedade de produtos, dos quais o mais famoso é a Poltrona Mole.

Criada em 1957 pelo arquiteto carioca Sérgio Rodrigues, a cadeira Mole até hoje faz sucesso como um dos grandes ícones do design moderno.

 

Em uma época na qual predominavam os pés palito na produção moveleira nacional, o designer Sérgio Rodrigues pensou em um móvel para expressar a identidade brasileira, com pés bem torneados, com muita madeira, couro e características que mais tarde, viriam a consagrá-lo como ícone do design brasileiro.

O sociólogo Odilon Ribeiro Coutinho chega a afirmar que a Mole foi o primeiro objeto de arte “irredutível” brasileiro, que não imitava o colonizador. “É uma síntese admirável do espírito brasileiro.”

Convidado para participar do Concurso Internacional do Móvel de Cantu na Itália, em 1961, Sérgio inscreveu a poltrona e foi o grande vencedor da premiação, fato fundamental para projetar o Brasil no cenário internacional do design.

 

Em seus 60 de sucesso, a Lilia Casa presta a homenagem e você pode conferir de perto o móvel, mas antes conhecer mais sobre a história da Poltrona Mole.

Com a palavra, Sérgio Rodrigues

“É uma poltrona superpreguiçosa. Na época, eu tinha na cabeça a ideia de fazer uma peça que pudesse ficar em qualquer ambiente, que não fosse uma cama nem um colchão, mas bem confortável. Quando o Otto Stupakoff me pediu uma peça para o estúdio dele, imaginei um apartamentinho bem pequeno e pensei em um sofá que não fosse parecido com uma cama ou um sofá-cama, mas que fosse tão confortável quanto. A poltrona Mole começou sendo, na verdade, um sofá (para dois lugares). Na hora de pagar, o Otto disse que não tinha nenhum dinheiro, mas ofereceu uma fotografia de caráter internacional para o lançamento do sofá. Eu topei, e, como o estúdio dele não tinha um fundo infinito, dei a ideia de levarmos a peça para a praia. Naquela época, havia pouca gente no Leblon e, quando a maré estava baixa, a areia ficava plana, maravilhosa. Colocamos lá o sofá e o Otto foi arrumar a câmera. Mas demorou tanto que o mar veio com força total e molhou o sofá inteiro. Mesmo assim, ele foi inaugurado com sucesso.

 

Sergio é, sem dúvida alguma, uma das mais admiráveis expressões do design em nosso país

 

Na época, era moda ter o sofá e as poltronas combinando. Muita gente pedia e resolvi fazer um sofazinho de um lugar, que virou a poltrona Mole. Mesmo assim, a poltrona ficou um ano na vitrine sem nenhum comprador. Eu acreditava nela, mas os meus sócios pediram para colocá-la no fundo da loja. Foi quando ela foi comprada pela diretora do Museu de Arte Moderna do Rio. Eu fui ver onde ela ia ficar, entrei em uma galeria de arte, com peças perfeitas da Bauhaus, e lá estavam as minhas poltronas. Foi quando eu comecei a acreditar no sucesso delas. Depois disso, o Roberto Marinho comprou mais duas para o seu iate. Eu nunca imaginei que ia ganhar prêmios ou que a poltrona fosse ficar famosa. Eu só queria algo confortável.

 

 

O nome da poltrona surgiu, na verdade, dos operários da fábrica. O protótipo estava sendo feito e eu recebi uma ligação logo cedo dizendo que o conde estava dormindo no sofá e roendo os pés daquela poltrona molenga. Não entendi nada. Eu tinha um sócio que era conde na Itália, mas ele não ia estar roendo o sofá, né? Quando cheguei lá, descobri que o cachorro que ficava vigiando a fábrica é que se chamava conde. E a poltrona continuou sendo chamada de molenga, mole.

 

A poltrona se tornou símbolo do design brasileiro porque o sucesso continuou lá fora. Depois de ganhar o Concurso Internacional do Móvel em Cantù, na Itália, o pessoal dizia que era a única peça brasileira que não era um rabisco tropicalista. Era uma peça que tinha valor. Eu sempre dei muita atenção ao acabamento da madeira, desde quando fazia brinquedos na infância.”

 

 

Decoração Vintage e retrô são um verdadeiro sucesso

O estilo vintage vem cada vez mais conquistando cada vez mais adeptos, tanto na moda, quanto na decoração de casas, escritórios, lojas e outros ambientes. E quem pensa que esse estilo é preferido pelos mais velhos, se engana. O estilos é um dos queridinhos pelo jovens que estão montando sua casa, apartamento ou ambiente de trabalho. A decoração vintage é delicada, romântica, cheia de personalidade e logicamente, tem muitas referências ao passado, com objetos e móveis que dão um visual incrível a qualquer ambiente.

casa-aberta-03_1000

Outro erro clássico de muitas pessoas é achar que o estilo vintage e retrô são a mesma coisa e são formados exclusivamente por objetos do tempo dos nossos antepassados. Os designers resolveram puxar diretamente do túnel do tempo objetos que marcaram época, dando um toque mais moderno, cores vivas, deixando o ambiente leve e alegre. Ou seja, o vintage é algo antigo, que restaurado traz um toque diferente para sua decoração, já o retrô é algo inspirado no que já passou, adaptado para os dias atuais.

00-decoracao-retro

Então essa decoração é formada sim por objetos antigos com ou sem reforma, mas também por objetos novinhos em folha, mas criado nos moldes do passado. Tudo vai depender no estilo retrô e nas composições que você quer pro ambiente decorado. Existem vários segredos para esse tipo de decoração, mas o principal deles é não exagerar na medida. Os móveis retrô devem ser usados com cautela e de preferência mesclados aos mais modernos.

5l85m9_large.jpg

Dois  ambientes que chamaram minha atenção em Teresina, foi o Divino e a loja Twiggy. Com um ar super vintage e usando de alguns objetos retrô, os dois estabelecimentos tem um ar super agradável, convidativo e que passa alegria e uma verdadeira volta ao passado.