Notícias

Sessão no Congresso Nacional homenageia APL e lembra morte de Herculano Moraes


Durante sessão solene ocorrida na manhã desta segunda-feira (21), o Congresso Nacional prestou uma homenagem aos 100 anos da Academia Piauiense de Letras. Em seu discurso, o senador Elmano Férrer, proponente da homenagem, destacou o papel da instituição para a difusão e preservação da cultura literária piauiense e lamentou a morte do acadêmico Herculano Moraes, ocorrida na quinta-feira (17).
O Conselheiro Federal da OAB, Celso Barros Neto. a vice-governadora Margô Coelho;p presidente da APL/PI, Nelson Nery Costa e Chico Lucas, presidente da OAB/PI
Segundo o senador Elmano Férrer, a instituição centenária é fruto da ousadia de um grupo de intelectuais, seus fundadores, e se tornou, ao longo do tempo, referência. “Desde então, a APL tornou-se a nossa guardiã da cultura, da educação e do saber e congrega os maiores expoentes do meio cultural do nosso Estado. A exemplo da criação da Academia Brasileira de Letras, a fundação da Academia Piauiense de Letras foi um ato de ousadia dos intelectuais da época que assumiam, a partir dali, as rédeas das ações culturais do nosso Estado. Dentre as inovações, a Revista da APL merece destaque. É a mais antiga publicação literária em atividade no Estado, um importante veículo de difusão do gosto pela literatura, a linguística, a história e sua geografia”, disse.
Elmano destacou também a dinamicidade com que a Academia vem trabalhando e desenvolvendo diversos projetos, como a Coleção Centenário, a instalação do Museu da Cultura Literária Piauiense e a reforma do prédio sede da instituição, obra que preservou toda a arquitetura da centenária Casa de Lucídio Freitas. “O rol de personalidades da APL traz nomes que enchem de orgulho o nosso povo. São poetas, escritores e juristas da estatura do atual e dinâmico presidente, Nelson Nery Costa, que exerce magnífica gestão, conduzindo diversas iniciativas de incentivo à produção entre os acadêmicos e a sociedade em geral”, afirmou.
O presidente da APL/PI, Nelson Nery Costa com sua mãe Glória Nery
Foi lembrado também que alguns membros da Academia também tiveram passagem pelo Congresso Nacional, a exemplo de Alberto Silva, Hugo Napoleão e Petrônio Portela.
A sessão solene foi presidida pela senadora Regina Sousa e teve proposição conjunta do deputado federal Paes Landim. O presidente da instituição, Nelson Nery Costa, alguns acadêmicos e seus familiares, além de convidados e a vice-governadora Margarete Coelho, estiveram presentes à solenidade.
Glorinha Nery, Nelson Nery Costa com a esposa Lavínia Brandão e os filhos
Memória
O senador Elmano Férrer fez referência também, durante seu discurso, à morte do acadêmico Herculano Moraes, jornalista e escritor falecido na quinta-feira (17). O parlamentar lembrou do seu importante papel como secretário estadual de Comunicação e sua atividade literária. “Proponho que esta sessão seja também em homenagem ao grande jornalista Herculano Moraes”, finalizou.
Confira detalhes nos vídeos

Previous ArticleNext Article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

15 − treze =