Arquitetura e Decoração

Living Coral: eleita a cor de 2019 e como usar a cor do ano na decoração de casa


A Pantone Color, maior referência em pesquisa e previsões de tendências de cores do mundo, elegeu a cor Living Coral como a cor do ano de 2019. Em perfeita sintonia com a irmã gêmea da cor Flamingo, uma cor híbrida que mistura laranja intenso com o fúcsia.

 

Living Coral é a cor do ano de 2019, segundo a empresa Pantone, empresa mundialmente conhecida por seu sistema de cores. Uma cor vibrante e suave que terá forte atuação em diversos segmentos no mundo da moda, beleza e claro na decoração. O tom lembra a cor do céu ao entardecer e também os corais marinhos. Uma cor quente que traz conforto, mas de forma suave, sofisticada e reafirmando a vida, a natureza como alvo no mundo das ideias.

Para a Designer de Interiores Mercês Silveira, a cor traz novos ares aos ambientes, uma opção ideal para mudar o visual da casa e começar o ano com os cômodos renovados. “A living coral não é ostensiva, gritante, como sugere a Pantone. Ela traz uma suavidade quando composta com outras cores, como os tons terroso e azuis. Todos os ambientes podem recebê-la, desde que sempre com equilíbrio e respeitando as proporções do espaço”, afirma a Designer.

 

A design de interiores Mercês Silveira

 

Na ambientação da sala, a cor pode ser usada nas paredes para trazer vida ao espaço e também aparecer em poltronas, almofadas e outros acessórios decorativos. Ela pode ser harmonizada com outros tons, como o azul e tons terrosos.

Além disso, a cor também pode ser usada na cozinha. A profissional afirma que não precisa ter medo na hora de escolher em quais objetos usá-la. “Pode-se usar uma base neutra e então ousar com o tom nos bancos, contrastando com a base da bancada, como também nos armários e louças”, destaca Mercês.

 

Como a cor tem a proposta de ser vibrante e relaxante, no quarto, o ambiente que usamos para ter descanso e aconchego, ela precisa estar em harmonia decorado de um modo que não prejudique o descanso do morador. Para quem não quer adotar a cor por completo, há alternativas. “Os detalhes mais certeiros para usar a cor no quarto, são as cortinas e jogo de cama. Caprichando no edredom, nas almofadas e acessórios do dia a dia. A dica é válida para quartos infantis e de adolescentes também”, pontua.

Mercês Silveira ainda destaca que é possível fazer várias composições da cor com matérias naturais e de fibra. “A natureza também estará muito em alta em 2019, e uma junção que dará mais iluminação e energia para o ambiente, é a usar a living coral com objetos decorativos de madeira natural e fibras”, finalizou.

 


Previous ArticleNext Article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

vinte − 4 =