MasterChef Brasil: Piauiense Lorena Dayse é vice e ganha bolsa de estudos no Canadá

 

Rodrigo e Lorena fizeram menu completo para os jurados

 

A piauiense Lorena Dayse ficou em segundo lugar na sexta temporada do MasterChef Brasil após a avaliação dos jurados Henrique Fogaça, Paola Carosella e Erick Jacquin. Na grande final, ela preparou um menu batizado como Uma Viagem pelo Piauí, mostrando o melhor de sua cozinha regional.

 

De entrada, Lorena cozinhou um ravióli de vinho branco recheado com caranguejo e emulsão de bacuri; já o prato principal foi um carneiro ao leite de coco e baião de dois de feijão verde; e de sobremesa ela serviu crumble de mel com pólen, sorvete de coco e abacaxi na cachaça com chantilly de mel.

A Lorena aproveitou até os últimos segundos na preparação do seu prato de entrada na final do #MasterChefBR. O resultado foi uma incrível homenagem gastronômica ao Delta do Parnaíba

 

“Chegar à final do MasterChef era um sonho que eu, na verdade, não tinha sonhado. Acho que eu nunca sonhei porque eu sempre achei que seria algo impossível para mim, mas tive muita dedicação, muita luta, muita força e muito apoio familiar. Isso fez com que eu chegasse até aqui”, disse a vice-campeã em entrevista ao Portal da Band.

 

Para o prato principal, Lorena apresentou carneiro ao leite de coco com baião de dois de feijão verde e alho-poró

 

Além de acumular R$ 8,5 mil em vitórias durante a temporada, Lorena será premiada com R$ 1 mil por mês, durante um ano, para fazer compras com o cartão Carrefour. A segunda colocada também ganhou uma bolsa de estudos na unidade da Le Cordon Bleu em Ottawa, no Canadá, podendo escolher entre o curso de técnicas tradicionais da gastronomia ou de pâtisserie.

 

Lorena fechou o menu com chave de ouro com uma sobremesa , na qual apostou na suavidade e no sabor, sem esquecer de homenagear mais uma vez o Piauí

A FINAL

Neste domingo, 25, chegou ao fim a sexta temporada do MasterChef Brasil. Após uma jornada de 21 episódios e muitas emoções, a piauiense Lorena Dayse enfrentou o paulista Rodrigo Massoni na grande final. Os cozinheiros tiveram que mostrar todo o conhecimento que adquiriram durante sua passagem pelo talent show culinário mais disputado do mundo.

 

Para impressionar os jurados Henrique Fogaça, Paola Carosella e Erick Jacquin, os cozinheiros amadores prepararam um menu completo – entrada, prato principal e sobremesa – que represente quem eles são, refletindo a sua história, suas preferências e que mostre ao país inteiro o que consideram o melhor de sua cozinha.

 

Henrique Fogaça, Paola Carosella e Erick Jacquin com a piauiense Lorena

O melhor menu definiu que o paulista Rodrigo Massoni levasse o cobiçado troféu do MasterChef Brasil 2019, além de R$ 250 mil, uma bolsa de estudos de técnicas tradicionais da culinária francesa na Le Cordon Bleu Paris, uma cozinha completa da nova linha Brastemp Gourmand com geladeira, micro-ondas, forno tradicional e a vapor, cooktop e coifa. A Tramontina também vai equipar a cozinha do vencedor com panelas de aço inox, um kit chef de facas, além dos eletro-portáteis Tramontina by Breville.

Lorena Dayse já tem planos para o futuro no MasterChef Brasil

 

Já a Barilla vai levar o campeão para acompanhar o maior campeonato de massas do mundo, o Pasta World Championship. Os dois finalistas ainda foram premiados com R$ 1 mil por mês, durante um ano, para fazer compras com o cartão Carrefour. O segundo colocado também ganhaou uma bolsa de estudos na unidade da Le CordonBleu em Ottawa, no Canadá, podendo escolher entre o curso de cozinha ou de pâtisserie.

 

 

Poty Beer: uma mistura cerveja, música e entretenimento

Consagrado como o principal festival de cerveja artesanal do Piauí, o Poty Beer chega a sua terceira edição no Shopping Rio Poty. Mais do que um evento para apreciadores de cervejas artesanais, o Poty Beer traz música, entretenimento, exposições, e muito mais de forma gratuita e acessível à população do Piauí. E em 2019 o festival conta com atrações locais e covers oficiais de bandas internacionais. A 3ª edição do Poty Beer acontece nos dias 30 e 31 de agosto e 01 de setembro.

Entre as atrações haverá a banda Queen Tribute Brazil (SP), cover oficial do Queen

Para quem ama Rock,  no dia 30 de agosto,  o destaque  do Poty Beer fica por conta do show a banda Queen Tribute Brazil (SP), cover oficial do Queen, consagrada por levar aos palcos um trabalho que resgata com fidelidade e muita emoção os clássicos que eternizaram a “Rainha do Rock” que mantêm no topo das paradas até os dias atuais. Ainda no dia 30, as atrações locais Gramophone e Serial Lover, também prometem fazer o público vibrar.

O Poty Beer também realizará dia 31 de agosto, sábado, às 16h, uma oficina sobre harmonização de cervejas artesanais com a mestre cervejeiro Anne Galdino, vencedora da 9ª edição do programa Eisenbahn Mestre Cervejeiro – exibido no Multishow e na Rede Globo. Teresinense, Anne é servidora pública, graduada em Ciências da Computação, especialista em gastronomia e técnica Cervejeira Profissional, além de sommeliére de cerveja. Eleita a melhor cervejeira do país em uma competição acirrada, com oito episódios, ela começou a se interessar pelo universo da cerveja em 2010, quando começou a experimentar com seu marido em casa. Se apaixonou por este mercado e logo começou a fazer alguns cursos e produzir sua própria cerveja. Os participantes serão sorteados através das redes sociais do Shopping Rio Poty.

No mesmo dia, quem vai animar o público são as bandas piauienses No Essence e Radiofônicos, e fechando a noite a banda Coldplay Cover Brasil (SC), cover oficial dos britânicos do Coldplay.

Já o encerramento do 3º Poty Beer, no dia 01 de setembro, ficará com as bandas Deepmoon, La Folie e Top Gun que fecha em grande estilo o Festival. Reproduzindo nos palcos a magia e energia da década mais descolada de todas: os anos 80, a Top Gun  tocará clássicos de bandas como: A-HA, Depeche Mode, Erasure, Information Society, Sandra, Alphaville, Cindy Lauper, Madonna, temas de filmes como Footloose, Flashdance entre outros, além de seriados dos anos 80, transformando o espetáculo em uma viagem no tempo.

Ao longo de todo o Festival Poty Beer, o público apreciará as melhores cervejas artesanais.  Lembrando que para a degustação da cerveja Rambeer, o cliente deve baixar o aplicativo do shopping e mostrar para um dos promotores. Na sequência, ele ganhará uma pulseira que dará direito a uma degustação de chopp Rambeer. A degustação é proibida para menores, sendo limitada uma por CPF.

E não para por aí.  O festival também terá uma feira de vinil, bodypiercing e tatuagem com Maciel Tatoo, e um stand de exposição de instrumentos musicais, realizada pela loja Studio Center.

O melhor é que o Festival é gratuito, repleto de atrações nacionais e pertinho de você. Ou seja, não tem desculpa para ficar de fora.

Para conferir a programação completa dessa edição do Festival Poty Beer, com todas as atrações de cada dia, basta acessar o site www.shoppingriopoty.com.br . Notícias e fotos em primeira mão do evento também poderão ser obtidas nas redes sociais do Shopping Rio Poty (facebook, twitter e instagram).

Câmara realiza sessão solene em homenagem ao aniversário de Teresina

A Câmara Municipal de Teresina realizou no último dia 16, a sessão especial para marcar a passagem do aniversário de Teresina. O prefeito Firmino Filho, secretários e servidores municipais prestigiaram a solenidade.

Na oportunidade, o prefeito Firmino Filho ressaltou que este é um mês de celebração para Teresina e toda sua gente, com um conjunto de solenidades, inaugurações e outras ações nas mais diversas áreas. “Este ano nossa comemoração tem um sabor especial, porque Teresina integra um conjunto significativo de obras, tendo em vista que os últimos anos não foram fáceis por conta da crise econômica. Entretanto, a Prefeitura assumiu sua responsabilidade e fez seu papel. Nossa equipe de secretários foi à luta para ajustar pontos e dar testemunhos de compromisso com a sociedade teresinense. Graças a tudo isso estamos em dia com nossas responsabilidades, funcionando e servindo bem a população”.

]

 

O gestor municipal destacou ainda a realização de projetos que fizeram a cidade avançar. “Estamos iniciando a maior onda de investimentos da história. Quando chegamos na Prefeitura, o investimento estava um pouco a mais de R$ 100 milhões. Essa média saltou para R$ 180 milhões por ano, e hoje afirmo que vamos investir um total de 250 milhões por ano em todas as áreas. Isso significa que, em quatro anos, a Prefeitura investirá R$ 1 bilhão em saneamento, saúde, meio ambiente, mobilidade e educação”, finalizou.

Em palestra para os presentes, a historiadora Marta Teresa Tajra fez um relato histórico da cidade baseado no comércio. Ela destacou dados de sua pesquisa que estão publicados em seu livro sobre a história do comércio de Teresina. “Teresina foi construída, principalmente, por comerciantes mais abastados e já estabelecidos do lado do Maranhão, especialmente os da praça de Caxias, que foram os  primeiros que se deslocaram para a nova capital depois da pequena população da Vila Velha do Poti”, relembrou.

 

A historiadora Marta Teresa Tajra

 

A historiadora destacou ainda que é preciso encontrar a vocação de Teresina. “A Prefeitura e os vereadores da cidade devem analisar de que maneira podemos pensar Teresina hoje. Ela ainda continua com a vocação econômica de sua fundação? O que mudou? Todo esse planejamento de Teresina deve ser feito em cima disso, humanizando a cidade e colhendo os frutos da transferência de Saraiva, que para nós rendeu bons frutos, que se tivéssemos ficado em Oeiras estaríamos praticamente do mesmo jeito”, completou.

 

A deputada Margareth Coelho

 

Aniversário de Teresina conta com um dia recheado de celebrações

Teresina completa 167 anos no próximo dia 16 de agosto e a data será celebrada em grande estilo. A agenda começa às 9h com a Missa de Ação de Graças, que acontecerá na Igreja Matriz de Nossa Senhora do Amparo, na Praça da Bandeira. Mais tarde, às 11h, será realizada a Sessão Solene em homenagem à capital na Câmara Municipal de Teresina, localizada na Avenida Marechal Castelo Branco.

A grande festa acontece às 16h com o “Parabéns, Teresina!”, que conta com o tradicional corte do bolo na Praça do Poti Velho, zona Norte da capital. A comemoração acontece todos os anos no bairro, pois foi lá onde a história de Teresina começou a ser desenhada.

A programação do dia do aniversário se encerra no Theatro 4 de Setembro,  com a solenidade de Outorga da Medalha do Mérito Conselheiro José Antônio Saraiva, que começa às 20h. A homenagem foi criada pela Lei nº 684, de 16 de agosto de 1985, e alterada pela Lei nº 1.473, de 17 de julho de 1990, e tem o objetivo de homenagear personalidades e instituições que prestam relevantes serviços para Teresina. Nesse ano, serão homenageadas 31 pessoas e uma instituição.

Teatro do Boi comemora aniversário de 32 anos e prepara programação especial

Nesta quinta-feira (15) o Teatro do Boi completa 32 anos de existência. Para comemorar, a casa realiza  apresentações de grupos de dança e o repertório musical fica por conta de bandas locais. A programação tem início às 17h, com entrada gratuita.

A celebração conta com o espetáculo do Grupo Vagão, coletivo que mistura música, mágica e improvisação, trazendo uma pitada da cultura piauiense. As bandas Escola Luiz Gonzaga, formada por estudantes da Escola Municipal do Mocambinho (Escolão do Mocambinho), e Os Caiporas, que misturam diversos ritmos, mesclando elementos do teatro, dança e repente, levam musicalidade ao evento.

Além disso, haverá também apresentações dos grupos de dança e baile do Teatro do Boi, compostos por alunos das oficinas oferecidas pela casa. O evento oportuniza aos alunos colocar em prática os conhecimentos adquiridos nas aulas.

“São mais de 30 anos fazendo história na cidade e dando oportunidade a jovens de terem contato com a arte e cultura. Teresina, principalmente a região Norte da cidade, se beneficia com as oficinas, cursos e apresentações desse teatro”, afirma Luís Carlos Alves, presidente da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMCMC).

Surgido em 1987, considerado como o  coração cultural da zona Norte de Teresina, o Teatro funciona como um Centro Integrado no Matadouro, possibilitando a inclusão social da comunidade que vive no entorno com a arte presente no espaço. “O Teatro cumpre bem a sua função social, que é integrar arte e pessoas”, enfatiza Kaio Vieira, coordenador de teatro da FMC.

Mantido pela Prefeitura de Teresina por meio da Fundação Monsenhor Chaves, a casa oferece diversas oficinas gratuitas, como teatro, danças, artes plásticas, música, capoeira, exposições e os mais variados eventos, possibilitando uma movimentação artística não somente na região, como em toda a cidade.

Festival de Flores de Holambra traz mais de 100 espécies para Teresina

Quem passar pela Praça Pedro II já pode se encantar com mais uma edição do Festival de Flores de Holambra, que traz mais de 100 espécies para Teresina, como forma de celebrar os 167 anos da nossa cidade. A abertura oficial do evento, que completa 10 anos de existência, aconteceu na manhã da última sexta-feira (9), ao som da Banda 16 de agosto. A programação segue até o dia 19 deste mês, ficando disponível para o público das 8h às 20h.

Paralelamente, o Festival está sendo realizado no Shopping Rio Poty, se estendendo até o dia 18 de agosto, nos mesmos horários de funcionamento do centro de compras. Essa tem sido uma maneira de descentralizar o evento e permitir que mais pessoas tenham acesso aos produtos oferecidos.

 

Prefeito Firmino Filho (Fotos: Rômulo Piauilino)

O prefeito de Teresina, Firmino Filho, participou do lançamento e destacou que essa é uma estratégia para incentivar os teresinenses a cuidarem mais da natureza. “O Festival de Flores de Holambra é um chamado para voltarmos o nosso olhar para a natureza e para o belo, então, sem dúvidas, esse é um evento importante por fomentar essas questões. Aproveito para parabenizar nossa Teresina, desejo que ela tenha vida longa, assim como o evento. Parabenizo a organização e espero que essa edição seja um sucesso, assim como nas edições passadas”, comentou.

Para o secretário municipal de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semam), Olavo Braz, além de sensibilizar a população sobre a preservação ambiental, o evento se envolve de mais importância porque é organizado por duas ONGs locais que têm realizado um valoroso trabalho no âmbito da prevenção em saúde.

 

“Apoiamos o evento por ele se propor a incentivar os teresinenses a cultivarem mais flores e árvores, mas, sobretudo, para também apoiar as duas ONGs que organizam o Festival, já que toda renda obtida será direcionada para continuar o trabalho realizado por elas, que focam em atividades de prevenção contra o uso excessivo de álcool e outras drogas. Então, não poderíamos deixar de apoiar essas causas importantes”, explicou o secretário.

Além disso, durante o evento está sendo promovido um bazar beneficente, onde estão sendo comercializados produtos novos e seminovos (roupas e outros artigos), onde a renda também será revertida para atividades de caráter beneficente.

O Festival de Flores de Holambra é promovido pela Associação Beneficente Casa da União Viva Bem e União do Vegetal, em parceria com a Expor Verde & Flor, e tendo como um dos apoiadores a Prefeitura Municipal de Teresina.

Evento promete atrair milhares de pessoas

Além da exposição e comercialização de uma diversidade de flores, a exemplos das violetas e lírios, o Festival vai disponibilizar, por preços acessíveis, mudas de plantas de várias outras espécies, incluindo frutíferas, carnívoras e bonsais. Isso promete atrair um público estimado em 70 mil pessoas, de acordo Luciana Dantas, uma das voluntárias que integra a equipe de organização do evento.

“Com base em anos anteriores, nossa estimativa de público para essa décima edição é de aproximadamente 70 mil pessoas circulando durante todo o evento, envolvendo os seus dois locais de realização. Estamos confiantes e aguardamos a visita dos teresinenses no Festival, tanto para apreciar quanto para levarem para casa os produtos oferecidos, que têm boa qualidade, diversidade e preços atrativos”, completou Luciana.

Dona Sônia Maria é uma das pessoas que esteve no evento e disse ser apaixonada por flores. “Eu sou apaixonada por flores e plantas em geral, então todos os anos eu venho ao evento, seja de apenas para dar uma olhada ou comprar mesmo. Minha mãe ama tudo isso também, então eu pretendo voltar e trazê-la para conferir o Festival, que é maravilhoso, com ótimos preços, boa estrutura e excelente atendimento”, disse.

Público poderá participar de oficinas gratuitas

O evento também envolve a realização de oficinas gratuitas sobre múltiplos temas, com certificação. Com vagas limitadas, as inscrições devem ser feitas a partir desta sexta-feira (09), na Praça Pedro II.

-Dia 14/08 – das 18h às 20h / Tema: Marketing Digital efetivo para negócios – ministrante: Leandro Hipólito

-Dia 15/08 – das 15h30 às 16h / Tema: Linha de Crédito (Banco do Nordeste) – ministrante: Laércio Fernando Soares Rodrigues, gerente executivo de Desenvolvimento Territorial, em exercício)

-Dia 15/08 – das 15h30 às 18h / Tema Introdução ao Paisagismo – ministrante: Danilo Sérvio

-Dia 16/08 – das 9h às 11h / Tema: O cultivo de plantas medicinais em espaços urbanos – ministrantes: Marsone Cunha e Lúcio Miranda

-Dia 16/08 – das 15h às 18h / Tema: O poder das plantas medicinais: o fluxo das boas energias – ministrantes: Adriana Queiroz e Karol Damasceno

-Dia 18/08 – das 9h às 11h / Tema: Organização Residencial passo a passo – ministrante: Daianne Feitosa

-Dia 18/08  das 16h às 18h / Tema: O Poder da Autorresponsabilidade – ministrante: Flávia Barbosa

Bolsonaro e Michelle estarão em Parnaíba quarta-feira (14) para inauguração de escola militar

 

Nesta quarta-feira(1), o presidente Jair Bolsonaro (PSL) desembarca na cidade de Parnaíba, e virá acompanhado de uma comitiva formada pelos ministros da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto, e da Agricultura, Tereza Cristina.

A primeira-dama, Michelle Bolsonaro, também fará parte da comitiva do presidente. De acordo com agenda divulgada pela presidência, ele desembarca no aeroporto Internacional Dr. João Silva Filho, em Parnaíba. Em seguida, sobrevoa os Tabuleiros Litorâneos e observará os projetos de irrigação no local.

 

O senador Elmano Férrer (Podemos), que é o quarto vice-líder do governo no Senado, também acompanhará a comitiva do presidente. Elmano afirma que apesar do estremecimento na relação entre Bolsonaro e os governadores do Nordeste, o presidente tem “bons olhos” pela região.

“O presidente Bolsonaro já mostrou que ama o Nordeste. Ele tem bons olhos pela região. Ele não mistura as diferenças políticas com o dever de desenvolver todo o país. Só não virá a Teresina devido a agenda corrida. Bolsonaro será um dos melhores presidentes do Brasil para o Nordeste”, afirma.

Ao lado do prefeito Mão Santa, o presidente participa da solenidade cívica alusivo aos 175 anos de emancipação política da cidade. Depois da solenidade, ele segue para inauguração da escola militar do Sesc que receberá o nome de Escola Presidente Jair Messias Bolsonaro.

A previsão é que o presidente embarque no vôo de volta à Brasília, às 12 h. O evento promete reunir lideranças de todo os estado simpáticas ao presidente. De acordo com o vereador Luís André, presidente do PSL do Piauí, caravanas de todo o Piauí devem ir para Parnaíba prestigiar o presidente.

Veja agenda:

 

Professor que já foi agente de portaria é especialista em incentivar alunos

As aulas do professor Francisco Rufino são verdadeiros espetáculos, um misto de alegria, entusiasmo e brincadeiras, não é à toa que recebe tantos convites para preparar turmas gigantescas antes do vestibular. Com uma história de superação e sucesso, o professor que já foi agente de portaria e hoje é efetivo da rede pública municipal de Teresina, usa sua experiência de vida para motivar os estudantes.

Antes de comandar a sala de aula, Rufino era responsável por controlar entrada e saída de estudantes em uma escola da rede estadual, em 2007. Aluno dedicado do curso de letras português, o até então agente de portaria se desdobrava entre os trabalhos da universidade e o emprego, mas já sonhava em ser professor.

“Quando você nasce para dar aula, sabe que um dia vai acontecer, então eu tinha certeza que chegaria minha vez. Enquanto isso, trabalhei muito na portaria como única forma de me sustentar na época. Permaneci ali por sete anos”, conta Rufino.

Foi no ano de 2016 que a história começou a mudar. Rufino se dedicou ainda mais aos estudos e foi aprovado no concurso da Secretaria Municipal de Educação (Semec), tornando-se professor efetivo de português da Prefeitura de Teresina. Logo passou da portaria à sala de aula das escolas municipais Jornalista João Emílio Falcão e H. Dobal, onde comanda as turmas do 9º ano do ensino fundamental.

O educador também foi convidado para fazer viagens pela Secretaria de Estado da Educação, preparando alunos do ensino médio, e ainda dá aulas extras em escolas da rede privada. A fama de excelente profissional se espalhou para outros municípios, que hoje disputam os horários vagos de Francisco até para consultorias.

O perfil esforçado e inspirador levou o professor a ser um dos principais atores do processo de preparação dos alunos para a Prova Brasil. Este ano, estudantes do 5º e 9º ano serão avaliados para a nota do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB), o que os leva a um ritmo intenso de estudos.

“A Semec me desafiou e acabei me tornando um professor motivador, me especializei em incentivar a busca pelos sonhos, a mostrar para os alunos que eles são capazes, seja lá qual for sua história de vida”, afirma Rufino. Segundo ele, dar aula é sua grande vocação. “Todos os dias reinvento minhas aulas, uso fantasias, canto, brinco, faço o que puder para ensinar o conteúdo de forma significativa, mantendo também em mim uma chama acesa”, conclui.

Ponte Estaiada será palco de um dos maiores festivais de food truck do Brasil

Durante o mês de agosto, Teresina respira arte e para comemorar os 167 anos de história, a partir da próxima quarta-feira (14) o estacionamento da Ponte Estaiada será palco para o maior evento gastronômico da América do Sul, o Festival Food Truck na Estrada. Pela primeira vez na cidade, o projeto fica até dia 20 de agosto, com os mais variados sabores gastronômicos, e entrada gratuita.

Com apoio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Semdec) e Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves, o Festival acontece sempre entre 18h e 00h e conta com opções variadas de hambúrgueres artesanais, crepes franceses, acarajé gourmet e sorvetes de casquinhas coloridas, entre outras. Serão os dez melhores caminhões Food Trucks do país trazendo renomados chefes de cozinha com bagagem de anos de experiência, para incrementar lanches e fazer de cada opção do cardápio uma experiência única na gastronomia sobre rodas. Além disso, o festival contará com apresentações de bandas locais durante todo o evento.

“Teresina é uma cidade que recebe muito bem. Acredito que a capital abrigar, por quase uma semana, um festival desse porte só tem a ganhar. O Festival Food Truck na Estrada é um projeto privado que não vai gerar custos a Prefeitura de Teresina e fomenta a gastronomia, que é um elemento forte na nossa cidade. A Semdec apoia o evento, pois compreende que este megaevento gastronômico e cultural movimenta a economia local e, claro, fomenta o turismo”, destaca o secretário da Semdec, Venâncio Cardoso.

Referência no segmento, o festival oferece Workshop para o comércio local e palestras nas universidades. Em Teresina, o tema será Inovação e Empreendedorismo no dia 15, a partir das 17h, no estacionamento da Ponte Estaiada e com entrada gratuita.

O grupo que percorre várias cidades com o projeto, já esteve em cinco países, 18 estados e 400 municípios. De acordo com a organização do festival, estima-se que 80% dos insumos consumidos serão adquiridos em Teresina. Além de toda a estrutura necessária para sua realização, que também será contratada localmente, assim como a contratação temporária de funcionários para os serviços de preparo, atendimento, limpeza e outros fins.

De acordo com o coordenador do evento, Luiz Morfim, além de gerar emprego a população local, o festival movimenta a parte cultural da cidade. “Contratamos em média 50 pessoas da própria cidade para trabalhar conosco temporariamente e, além de oportunizar empregos, lidamos com o entretenimento, a gastronomia e a cultural local. Acreditamos que essa é uma forma de levar qualidade e mais comodidade ao consumidor, e participar da cultura local”, afirma Luiz.

Unindo a gastronomia com a cultura, durante todos os dias o festival conta com apresentações de bandas locais. “Teresina é toda arte em agosto, e o projeto veio para somar com a programação de aniversário da cidade. Essa será mais uma vitrine para nossos artistas divulgarem seus trabalhos e estarem mais próximos do público”, ressalta Abiel Bonfim, superintendente da FMC.

Banda Top Gun encerra 2ª edição do The Vejo na Ponte

A banda dedicada ao flashback music, Top Gun, encerrou com chave de ouro a 2ª edição do Festival The Vejo na Ponte. Cerca de cinco mil pessoas estiveram reunidas para curtir o último dia de festival, neste domingo (28), deixando o Complexo Turístico Ponte Estaiada lotado.

Um dos shows mais aguardados da noite foi o da banda Validuaté, que levou suas canções cheias de poesia e romance ao palco do festival que acontece sempre no período das férias. Além destes grupos, as bandas Janela Lateral e Batuque Elétrico embalaram as pessoas que se concentravam no local.

A segunda edição do Festival The Vejo na Ponte teve como proposta misturar ritmos e dar, cada vez mais, holofotes às bandas locais. Aliado a isso, uma campanha para arrecadar uma tonelada de ração para cães e gatos, além de material de limpeza, também impulsionou os três dias de evento.

Para a empresária Cícera Silva, 52 anos, o festival tem se mostrado uma importante movimentação cultural para a cidade. “Eu acompanho o festival desde a primeira edição e em janeiro até trouxe uns parentes do Rio Grande do Norte para curtirem a festa. Eles saíram daqui encantados. É importante essa movimentação cultural, porque aqui a gente reencontra amigos, traz a família, os cachorros e isso vira uma experiência muito boa. Já quero a próxima edição”, explica.

Já a estudante Vanessa Oliveira, 21 anos, aprovou a ideia de unir ao festival à questão da causa animal, através da campanha de arrecadamento de ração.  “Eu vim na edição passada e estou aqui novamente porque eu sou apaixonada pela Validuaté e estou em praticamente todos os shows deles aqui na cidade. Além disso, achei muito massa a ideia da barraca dos AUmigos e de ligar esse evento a uma causa importante. Enfim, foi uma noite maravilhosa, com artistas maravilhosos. Melhor que isso só uma terceira edição para trazer mais Validuaté e mais outras bandas maravilhosas para a gente conhecer”, destacou.

De acordo com o gestor da Semdec, Venâncio Cardoso, o Festival The Vejo na Ponte já se consolidou e tornou-se um evento importante para o calendário da cidade. “A proposta deste festival é ser realizada no período das férias, ou seja, nos meses de janeiro e julho. Pelo comparecimento da população ao evento, podemos perceber que é uma proposta acertada, que reúne as pessoas, que divulga as bandas locais, que faz dinheiro girar, que dá mais visibilidade ao nosso principal atrativo turístico. Então acredito que o The Vejo na Ponte é um evento que se tornou importante para o calendário da cidade”, explicou.

A 2ª edição do Festival The Vejo na Ponte é uma realização da Prefeitura de Teresina, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Semdec) em parceria com a Fundação Monsenhor Chaves (FMC).

Juízes começam a receber novos computadores do TJ-PI

Após solicitação da Associação dos Magistrados Piauienses junto ao Tribunal de Justiça do Estado do Piauí, os juízes de primeiro grau começaram a receber, nesta sexta-feira (26), novos computadores para o auxílio dos trabalhos nas unidades judiciárias. A solenidade de entrega foi realizada na Sala da Presidência do TJ-PI, com a presença de aproximadamente 40 magistrados beneficiados.

Ao todo, 200 notebooks devem ser entregues aos magistrados. O presidente da Amapi, Thiago Brandão de Almeida, reforça a importância do equipamento de trabalho mais rápido e moderno, especialmente neste momento em que o Tribunal avança na implementação dos processos virtuais nas comarcas.

“Hoje o sentimento é de gratidão. No início do ano, a diretoria da Amapi solicitou a renovação do parque tecnológico e portátil dos magistrados e a gestão do TJ-PI foi bastante sensível ao nosso pleito. Portanto, a Amapi agradece essa sensibilidade e o apoio do Tribunal para que os colegas juízes contem com um melhor equipamento de trabalho, que certamente irá melhorar a prestação jurisdicional”, afirma Thiago Brandão.

O presidente interino do TJ-PI, desembargador Haroldo Oliveira Rehem, representando o presidente do TJ-PI, desembargador Sebastião Ribeiro Martins, lembra que oferecer uma melhor estrutura de trabalho aos juízes de primeiro grau é fundamental para que a população seja melhor atendida e o andamento dos processos ocorra com maior celeridade. “Os juízes são a porta de entrada daqueles que buscam auxílio da Justiça. Por isso, ações como esta, que melhoram as condições de trabalho, são fundamentais para a melhoria dos serviços prestados pelo Judiciário como um todo”, afirma o desembargador.

Cada magistrado de primeiro grau receberá um Kit composto por notebook Dell, carregador, maleta, dock station,mouse e trava de segurança. Os computadores possuem cinco anos de garantia.

Músicos piauienses fortalecem as raízes culturais do São João

Uma das mais ricas manifestações culturais brasileiras, as festividades juninas marcam o ano com quadrilhas, culinária típica, simpatias e muita música. Aproveitando este clima festivo, um grupo de músicos piauienses se juntaram e criaram o projeto musical “São João de Verdade”, que marca palco nesta sexta-feira, 14, às 21h, no Latitude 30 Eventos, que vem sempre apoiando os projetos culturais dos músicos piauienses.

 

O projeto, que tem à frente o músico Zé Roraima, surgiu como forma de fortalecer as raízes culturais e tradições piauienses que são ricas e reconhecidas pelo Brasil a fora. Para o músico, o projeto resgata a musicalidade do forró que está sendo esquecida atualmente.

“Vivemos um momento triste de distorções das nossas riquezas culturais e sobretudo dentro desse contexto das festas juninas. O nosso verdadeiro forró que é feito com lindas letras, belas poesias, lindas melodias e ricos em harmonias e arranjos está sendo esquecido”, lamenta Zé Roraima.

Zé Roraima e Terê Junina

O “São João de Verdade” busca fortalecer a arte e cultura teresinense, valorizando, assim, artistas e público local que comungam da mesma ideia, contemplando os artistas locais com apresentações dentro do contexto do São João de Verdade.

O projeto conta com Zé Roraima e Terê Junina, apresentando um repertório que exalta a alegria dos verdadeiros festejos de São João com música e poesia, brincadeiras e quadrilhas, mostrando as riquezas das nossas tradições. É uma verdadeira viagem por onde predominam as músicas do nosso cancioneiro nordestino com baião, xote, xaxado e muito arrasta pé.

Relembrando artistas nacionais com Luiz Gonzaga, Dominguinhos, Alceu Valença e Elba Ramalho, como também os nossos compositores piauienses, Vavá Ribeiro, Hemerson Boy, Ricardo Totti, Zé Roraima, Zé Dantas, Fábio Nóbrega.

 

Banda Caju Pinga Fogo
Forró Fulos do Sertão

Festival Nacional de Violão de Teresina será lançando dia 14 de junho

A III edição do Festival Nacional de Violão de Teresina traz muitas novidades e já tem data marcada. No dia 14 de junho, acontece o lançamento oficial da programação do evento, às 19h no Palácio da Música.

Como convidado especial, durante o lançamento o violonista Cristiano Braga (BH) será uma das atrações principais, ele já fez turnês pelo Brasil e Europa, e participa do festival de Violão de Teresina desde a primeira edição. Este ano, o violonista leva ao palco um recital especial intitulado “Paisagens do Violão Brasileiro”, onde o repertório vai desde a valsa do compositor Quincas laranjeiras, passando por canções de guerra-peixe, de Heitor Villa-Lobos, à composições atuais como Sergio Assad, Marco Pereira, Paulo Rios Filho, entre outros.

O violonista Cristiano Braga

“O violão brasileiro fora do país é muito conhecido através do chorinho e samba, e com a diversidade desse instrumento como novas possibilidades e técnicas expandidas, o público terá a chance de apreciar as músicas de grandes compositores”, diz Cristiano Braga.

De 01 a 04 de agosto, Teresina será tomada por boas músicas, artistas renomados e um concurso que escolhe os melhores violonistas do Brasil com premiação em dinheiro para os 1º, 2º e 3º lugar. A III edição do festival de violão da capital, tem como objetivo fazer parte do calendário cultural em comemoração ao aniversário da cidade.

“O festival é feito por artistas e público apreciador da música de qualidade. E, nada melhor presentear a cidade com um festival que vem se consagrando não só em Teresina, mas também aos violonistas de todo o Brasil”, diz Ravi Cordeiro, coordenador do festival.

Caminho do Bem realiza sorteio de dois carros e mais oito prêmios

A Campanha “Caminho do Bem” foi criada para ajudar na arrecadação de recursos destinados aos trabalhos de evangelização da Arquidiocese de Teresina e vai sortear 10 prêmios: dois carros, duas motos e quatro aparelhos de televisão 43 polegadas. Para participar, qualquer pessoa (católico ou não), deve comprar a cartela no valor de 10 reais. O sorteio vai acontecer durante o arraial das famílias, dia 15 de junho, no Parque Nova Potycabana, a partir das 20h.

A iniciativa da Arquidiocese conta com o apoio do clero e da comunidade católica em geral. Todos os recursos obtidos com a Campanha serão canalizados para ações de evangelização, missão e formação da Arquidiocese.

 

O Arcebispo de Teresina, Dom Jacinto Brito, justifica a campanha como sendo uma resposta aos novos apelos pastorais que levaram a Igreja a liberar padres e diáconos para setores que trabalham com pessoas menos favorecidas como a pastoral do povo de rua e serviços que trabalham com dependentes químicos, presidiários e idosos. Além disso, a Arquidiocese mantém atualmente, 50 seminaristas e criou dez paróquias e doze diaconias territoriais, todas elas na periferia urbana de Teresina ou zona rural.

A Arquidiocese acolhe pessoas, independente do vínculo ou engajamento na Igreja Católica, por isso o Caminho do bem torna-se uma alternativa para qualquer pessoa, independente de religião. “O sorteio é uma opção também para quem deseja ajudar nossa Igreja e ainda não esteja participando de nenhum movimento ou pastoral conduzida por ela”, comenta o ecônomo da Arquidiocese, diácono Raimundo Reis.

As cartelas estão disponíveis nas paróquias de Teresina, no Centro Pastoral Paulo VI e, na última semana do sorteio, de 10 a 14 de junho, também serão comercializadas nos três shoppings da capital (Teresina, Riverside e Rio Poty) e no Cocais Shopping, em Timon.